Home»ATUALIDADE»ESPECIALISTAS»Como construir uma alimentação sustentável

Como construir uma alimentação sustentável

De onde vêm os legumes que compramos? Como chega o pescado à nossa mesa? Hoje, as recomendações de práticas e escolhas alimentares vão muito além do contexto nutricional. Existe uma abordagem mais profunda nos programas de educação ao consumidor. Damos-lhe doze dicas para o conseguir. A 16 de outubro assinala-se o Dia Mundial da Alimentação.

Pinterest Google+

É cada vez mais evidente a necessidade de implementar sistemas alimentares mais sustentáveis. Tendo em conta o aumento contínuo da população mundial, dietas mais sustentáveis permitem proteger a biodiversidade dos ecossistemas e respeitar os recursos naturais do planeta.

 

Hoje, as recomendações de práticas e escolhas alimentares vão muito além do contexto nutricional. Existe uma abordagem mais profunda nos programas de educação ao consumidor.

 

Atualmente, é importante criar uma consciência global acerca da proveniência e modo de captura dos alimentos. De onde vêm os legumes que compramos? São da época, são locais? Como chega o pescado à nossa mesa, provém de pesca sustentável ou de exploração intensiva?

 

Estas são algumas questões pertinentes que devemos ter em conta na hora de comprar os nossos alimentos. Portanto já sabe, aprofunde os seus hábitos alimentares. Vá mais além. Ao mesmo tempo que prove a sua saúde, está a contribuir para a redução do impacto ambiental no planeta Terra.

 

Descubra, na galeria acima, alguns dos pontos chave que fazem parte de uma dieta sustentável.

Artigo anterior

Escritório: estratégias para evitar dores na coluna

Próximo artigo

Sabe o que é estar anestesiado? Os mitos que envolvem uma especialidade transversal