Home»LAZER»DICAS & VIAGENS»Céu noturno de Mértola certificado como Destino Turístico Starlight

Céu noturno de Mértola certificado como Destino Turístico Starlight

Os anos votados ao esquecimento mantiveram a região alentejana intacta. Uma mais valia agora que está a trazer à região um turismo de natureza diferenciado e sustentável, para juntar ao turismo histórico daquela que é conhecida como a Vila Museu.

Pinterest Google+

A Fundación Starlight emitiu o parecer positivo para a certificação da extensão da Reserva Darksky Alqueva a um conjunto de municípios da raia onde se integra agora o concelho de Mértola, informa a autarquia.

 

Esta é uma certificação reconhecida pela Organização Mundial de Turismo e pela UNESCO que engrandece o território e cria atrações e oportunidades para o setor do turismo, incluindo na época baixa.  «Esta é mais uma proposta de turismo diferenciado que, junto com todas as outras propostas que existem, criam um bolo interessante na área do turismo da natureza de excelência em Mértola», comenta Nuno Roxo, guia turístico nesta vila alentejana.

 

VEJA TAMBÉM: MÉRTOLA, A VILA MUSEU

 

A candidatura do céu de Mértola à certificação Destino Turístico Starlight integra o conjunto de ações de estruturação do produto astroturismo que a Câmara Municipal de Mértola e a Genuineland – Turismo de Aldeia têm vindo a dinamizar no âmbito do projeto GO2MÉRTOLA, Operação financiada pelo Programa Alentejo 2020.

 

Para Nuno Roxo, «os anos em que estivemos votados ao esquecimento por parte do Governo, em que o Alentejo ficou aquém nas infraestruturas, fez com que a natureza se tenha mantido intacta. A região não está consumida por massa s e todo o turismo que surge é com um critério mais adequado e sustentável».

 

VEJA TAMBÉM: VENDA AMBULANTE: UMA VIAGEM AO PASSADO NO ALENTEJO PROFUNDO

 

A Fundação Starlight criou um sistema de certificação, através do qual são credenciadas as zonas que possuem excelente qualidade de céu e que representam um exemplo de proteção e conservação. São cenários que incorporam a observação do céu como parte de seu património natural, paisagístico, cultural ou científico e promovem o “Star Tourism”.

 

Com a certificação, a região espera, assim, receber turistas provenientes das grandes metrópoles do mundo que, por estarem sempre expostos a luz artificial, procuram já este tipo de oferta noutros pontos do globo. Mértola espera também conseguir alcançar certificação para o turismo geológico.

 

 

Artigo anterior

Cansa-se com facilidade? Por vezes, bastam simples correções

Próximo artigo

Precisa de um detox? Veja estas soluções para corrigir excessos cometidos