DIREITOS HUMANOS

Uma carta aberta aos Estados e aos seus líderes pede medidas urgentes para ajudar 270 milhões de pessoas que enfrentam a fome em todo o mundo, sobretudo em zonas de conflito e violência. Divulgada pelo Conselho Internacional de Agências Voluntárias (ICVA), a carta salienta que todos os dias o mundo assiste a testemunhamos de sofrimento e resiliência de pessoas...

Inundações, secas, furacões e outros eventos climáticos extremos têm e terão um impacto especialmente profundo sobre as crianças vulneráveis e as suas famílias, assinala a Save the Children, na altura em que o presidente dos EUA se prepara para realizar uma cimeira de líderes sobre mudanças climáticas. Sendo das maiores vítimas atuais e futuras, a organização humanitária considera que...

Esta semana damos conta de um novo relatório da ONU sobre milhões de mulheres no mundo que não têm o poder de fazer escolhas sobre o seu próprio corpo; falamos da condenação dos ativistas pró-democracia em Hong Kong; e de uma nova iniciativa em Portugal contra o assédio sexual. Na área do ambiente, damos destaque ao facto de a...

Com o mote “Tatua-te contra o Assédio em Locais Públicos”, a iniciativa pretende, num espírito de compromisso entre todos, sensibilizar a comunidade para este tema, já que 78% das mulheres já foi assediada em locais públicos.

Novo relatório da Organização das Nações Unidas mostra que quase metade das mulheres em cerca de 57 países não têm o poder de fazer escolhas sobre seus cuidados de saúde, contraceção ou vida sexual.

Esta semana ficou marcada por um incidente que colocou a nu a misoginia existente na Turquia. Destaque também para um novo relatório que destaca o incremento das desigualdades sociais devido à pandemia e ainda para uma catástrofe paralela aos ataques em Cabo Delgado: a fome dos deslocados. Na área do ambiente, os tubarões estiveram em destaque, com notícias sobre...

Para além dos ataques violentos com relatos de decapitações em Cabo Delgado, a fome está a alastrar-se entre os que fogem, aumentando ainda mais a dimensão da catástrofe humanitária que se vive no norte de Moçambique.

Novo relatório global faz uma avaliação abrangente das tendências dos direitos humanos em 2020, evidenciando como a COVID-19 foi usada por líderes como arma para intensificarem o seu ataque aos direitos humanos. Mulheres e refugiados entre as principais vítimas.

Dezenas de crianças mortas em Myanmar, aumento da escalada de violência em Cabo Delgado e aumento da discrepância de paridade entre homens e mulheres devido à pandemia são alguns dos temas tratados. Na área do ambiente, ficamos a saber o número atualizado de roazes que habitam no Sado ou os cuidados a ter nesta nova época de aproximação das...

Novo relatório do Fórum Económico Mundial dá conta da subida de 13 lugares de Portugal, que se encontra em 2021 em 22º lugar num universo de 156 países analisados. Devido aos impactos da pandemia, de uma forma global, são adicionados mais 36 anos ao tempo até que as mulheres consigam alcançar a igualdade de género. Islândia, Finlândia e Noruega...