NUTRIÇÃO

Benefícios do mel e canela juntos: facto ou ficção?

É reconhecido que tanto o mel como a canela são muito potentes individualmente. Mas sabia que, quando combinados, os seus efeitos são ainda mais fortes?
Chegou o selo Boa Escolha em Qualidade Nutricional

São alvo de avaliação os produtos alimentares direcionados para a promoção da saúde dos consumidores, pelo que produtos como refrigerantes, álcool e outros similares estão fora desta categorização. A divulgação dos produtos certificados como Boa Escolha será feita na primeira semana de janeiro.
O cálcio é essencial para a construção e manutenção dos ossos e dos dentes e é importante que seja ingerido em quantidades adequadas. A dose diária recomendada (DDR) é de 1000mg por dia para um adulto.

O cálcio é essencial para a construção e manutenção dos ossos e dos dentes e é importante que seja ingerido em quantidades adequadas. A dose diária recomendada (DDR) é de 1000mg por dia para um adulto. A 20 de outubro, assinala-se o Dia Mundial da Osteoporose.
Foto: freepik

Este tipo de alimentação não beneficia só a saúde mental e física no geral, como também ajuda as mulheres mais velhas a manterem a densidade óssea e a estrutura muscular, revela um novo estudo agora divulgado. Ingerir muita fruta, legumes, leguminosas, batatas, azeite e sementes ajuda a contrariar os efeitos da baixa abrupta de estrogénio.
Adote o seu agricultor (e saiba o que consome)

Muito se fala nos dias de hoje de agricultura convencional, biológica, biodinâmica, permacultura… mas afinal quais as diferenças entre cada uma a qual a melhor decisão a tomar na hora de adquirirmos os produtos que consumimos? Por Mónica Venda.
Se identifica os seguintes comportamentos em algum amigo ou familiar, saiba que este poderá estar a sofrer deste distúrbio alimentar caracterizado pela obsessão pela alimentação saudável.

A realidade atual mostra-nos um contrassenso: a obesidade tornou-se numa epidemia ao mesmo tempo que nunca houve tantas pessoas preocupadas em fazer uma alimentação saudável. E é sobre estas que falamos hoje, 16 de outubro, Dia Mundial da Alimentação. Pois muitas delas estão a tornar as suas dietas demasiado restritivas, colocando a sua saúde em risco por deficiências nutricionais. Mas há sinais que ajudam a identificar se estamos perante uma simples dieta ou uma obsessão reveladora de um distúrbio alimentar.
1- Pizza

Pizza, chocolate e batatas fritas lideram o top dos alimentos mais viciantes, que levam a alguns comportamentos impulsivos semelhantes aos provocados por algumas drogas. Conheça o ranking.
Uma das perguntas mais frequentes que os vegetarianos ou vegans ouvem é: ‘Onde vais busca a proteína?’. Quando lhe perguntarem isso, mostre-lhe esta lista. É possível ser vegetariano/vegan sem carecer de qualquer nutriente.

Portugal tem assistido a um incrível crescimento da tendência vegetariana e vegana, segundo a Associação Vegetariana Portuguesa. Esta opção de cada vez mais portugueses está em sintonia com o que está a acontecer um pouco por toda a Europa. A 16 de outubro, assinala-se o Dia Mundial da Alimentação.
Já pensou em comer insetos? A tendência chegou para ficar

Para a cultura ocidental, ainda é um pouco estranho falar sobre insetos comestíveis, mas a verdade é que estes trazem benefícios para a saúde, para o ambiente e podem ser a chave para a nossa alimentação no futuro. Com cada vez mais pessoas no mundo, há quem acredite que corremos o risco de não ter alimentos suficientes para todos. E os insetos podem ter um papel muito importante nesta equação. Falámos com a Bastonária da Ordem dos Nutricionistas e com um produtor de insetos em Portugal para sabermos um pouco mais sobre esta tendência.
‘O exercício engorda-me!’

Cortar demasiado no número de calorias ingeridas é algo comum em algumas dietas ditas ‘da moda’. Só que, após a perca de peso, o resultado leva a um aumento de gordura na zona da barriga e a perca de músculo. Ou seja, o que já se sabia deste movimento ioiô foi agora provado em laboratório.