COMPORTAMENTO

1. Tenha uma agenda - Logo ao acordar, ou antes de dormir, anote tudo o que precisa de ser feito no dia seguinte. Use marcadores coloridos, símbolos ou números para destacar as atividades urgentes e importantes, que devem ser feitas naquele dia.

Alguma vez já se perguntou como é que algumas pessoas parecem ter tempo suficiente para fazer tudo o que querem, enquanto que outras estão sempre a correr contra o relógio? Por Vivian Baumann.
As pessoas dramáticas têm tendência a criar problemas e pensam constantemente que são elas as vítimas. Meça o seu nível de drama através deste teste: quanto mais concordar com as declarações que lê na galeria, maior é a sua necessidade de experienciar momentos dramáticos.

As pessoas dramáticas têm tendência a criar problemas e pensam constantemente que são elas as vítimas. Meça o seu nível de drama através deste teste: quanto mais concordar com as declarações que lê na galeria, maior é a sua necessidade de experienciar momentos dramáticos.

Todos os dias ouvimos alguém falar sobre esta palavra, autoestima. Como se de uma poção mágica se tratasse, confere poderes ao ser humano para concretizar os seus sonhos e desejos. Por Vera de Melo.

É inútil querer ser útil? Já me aconteceu querer demasiado ajudar alguém. Quando queremos ajudar e não conseguimos, o que fazer? É útil não fazer nada? E se pudéssemos servir e sentir-nos úteis sem nos desgastarmos? Por João Pombeiro.
AMIGAS

Idealização, dificuldade em estabelecer limites, questões emocionais, dependência e até sentimentos confusos podem transformar uma amizade numa relação tóxica.
mulher desmotivada a trabalhar

Ninguém está, muito menos é, realmente desmotivad@. Cada pessoa já está motivada. Não acreditas? E se te mostrasse que realmente assim acontece? Ficarias motivad@ para ler este texto?

Esta mantém uma estreita relação com o aparecimento de doenças graves como diabetes tipo II, problemas cardíacos e até um risco aumentado de morte antes dos 45 anos. A OMS renomeou o fenómeno como uma síndrome de desgaste emocional. Esta nova classificação entrará em vigor em 2022.

É muito difícil para um coração partido e uma confiança traída voltar a confiar num outro e nos seus sentimentos. Como consequência surge o medo de se relacionar e consolidar esse relacionamento. Por Vera de Melo.

Como educar uma criança? O que fazer para ouvirmos um sim do colega? O que dizer para que a chefe concorde comigo? Como fazer o outro ver o meu lado? Ou, que faça o que (ou como) eu acho ser melhor fazer? Por João Pombeiro.

Este método da repetição exige um esforço considerável mas vale a pena. A sua utilização pode ser crucial em momentos tão importantes como a realização de um exame ou a prestação de declarações enquanto testemunha de algum episódio.