COMPORTAMENTO

Foto: Pixabay

Demora apenas um décimo de segundo para o cérebro reconhecer emoções transmitidas por vocalizações. Não importa se os sons não verbais são gritos de raiva, risos de felicidade ou gemidos de tristeza.
Alguns princípios

Todos nós vamos criando mentalmente um “mapa” da nossa realidade, do nosso mundo, que não é mais do que a forma como vemos o mundo em todas as suas vertentes. Por Sérgio Oliveira.
Recuperar do luto de um filho

A perda de um filho parece ser um trauma impossível de ultrapassar. Falamos com a psicóloga Catarina Lucas sobre o processo de luto e o regresso à vida depois da aceitação.
As emoções não deviam ser coisas

Trocar carícias e fazer amor são ações cientificamente impossíveis de realizar com robôs, porque dependem de uma intenção, de um sentimento. Por Nuno Cristiano de Sousa.
Sonhar acordado

É frequente quando temos uma qualquer ideia maravilhosa sobre um projeto igualmente maravilhoso sermos assolados por uma voz na nossa cabeça que costuma ter um sem fim de opiniões que nos querem fazer crer que nunca atingiremos o nosso objetivo. Por Sérgio Oliveira.
Poder pessoal

Todos nós, uns mais que outros, temos sido programados para acreditarmos que somos insuficientes, que sozinhos não chegamos a lado nenhum. Por Sérgio Oliveira.
De onde vem afinal a motivação? mulher

A vida tem limites, mas a determinação de fazer o melhor que se pode com aquilo que se tem, pode levar a lugares que pareciam inalcançáveis. O que falta em 2016? Nada! Só precisa dar o que já tem em si. Por Nuno Cristiano de Sousa
2016 e agora?

Os grandes objectivos costumam começar por um sonho, por isso, sonhe e sonhe com realismo. Por Sérgio Oliveira
Vou ser Peter Pan em 2016

Querem viajar, ponham-se a caminho, nem que seja até à esquina da rua. Querem um filho? Façam-no. Por Sofia Rijo.
Descubra se é dependente do Facebook

Porque vai ao Facebook com regularidade? Ver as notícias? Os jogos? Ver os comentários às suas publicações? Para poder conhecer pessoas novas? Se alguma destas sugestões lhe pareceu familiar, talvez esteja dependente do Facebook.