SEXUALIDADE

Imaginação e criatividade nem sempre são uma falha na vida sexual. Por vezes, o problema está na falta de coragem para colocar em prática determinados desejos ou fantasias. Por Cristina Mira Santos.

Os traços da personalidade de um indivíduo têm muita influência na sua vida em vários aspetos. Na vida sexual, inclusive.

Ter a capacidade de manifestar de forma vocal o que se sente é um privilegio ainda pouco usado quando se trata de sexo. Por Cristina Mira Santos.

O sexo é algo que, mesmo na maturidade, pode ser gratificante e ativo, o que leva a uma maior qualidade de vida. Por Paula Mouta.

Se a autoestima e o amor próprio estiverem pelas ruas da amargura, é muito provável que quando algo de bom chega a tendência seja desconfiar. Por Cristina Mira Santos.

A vida sexual de uma mulher não tem de acabar entre 2 a 7 dias por mês. Fique a par de tudo o que precisa de saber acerca do tema.

Não tenha medo, não sinta culpa, não é pecado, experimente o seu corpo e deixe-se impressionar pela capacidade que ele tem de lhe dar prazer. Por Cristina Mira santos.

Para sentir prazer numa atividade, é indispensável tê-la feito de livre vontade e não por obrigação. Por Cristina Mira Santos.

Estudo revela que as fantasias se tonam mais elaboradas e sofisticadas quanto mais experiência e idade têm as mulheres.

Qual é o mal das rapidinhas? É uma das perguntas mais frequentes de quem lê a apologia do sexo gourmet, no livro “O melhor sexo do mundo”. Pois bem, sexo é sempre sexo. Seja rápido ou requintado, será sempre apreciado. Por Cristina Mira Santos.