Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Cara Delevingne garante não ter abandonado o mundo da moda

Cara Delevingne garante não ter abandonado o mundo da moda

Cara Delevingne, um rosto habitualmente omnipresente nas revistas de moda, tem estado afastada desse mundo nos últimos meses e tem apostado mais na sua carreira como atriz.

Pinterest Google+

Cara Delevingne publicou  vários tweets com o objetivo de acabar com qualquer especulação de que teria abandonado o mundo da moda.

 

«Eu nunca disse que ia abandonar a vida de modelo», começou Cara, na rede social. Nos tweets que se seguiram a este, a modelo revelou que sofria de depressão e que foi modelo durante um período da sua vida não muito fácil, uma altura em que não tinha amor próprio. «Eu sou muito sortuda por todos os trabalhos que consigo, mas eu costumo trabalhar para me escapar das coisas e isso acabou por me esgotar completamente».

 

Desde que começou a fazer a transição para atriz, Delevingne tem falado abertamente sobre os infortúnios da sua vida de modelo como, por exemplo, as suas lutas constantes contra a depressão.

 

Veja a galeria: Celebridades em ‘totally black’

 

Numa entrevista com o ator Rupert Everett, no evento anual ‘Women in the World Summit’, em outubro, Cara confessou que chegou a um ponto onde se sentia «zangada» e «suicida». No entanto, a modelo garante que não culpa a indústria da moda. Nessa mesma entrevista, Cara acrescentou ainda: «Na nossa cultura, somos informados de que se somos bonitas, magras, bem sucedidas, famosas, se nos encaixarmos e se todos gostarem de nós, então vamos ser felizes, mas isso não é inteiramente verdade».

 

Cara tem apostado mais na sua carreira como atriz e assume-se em fase de «aprendizagem». Só em 2016, a ‘menina das sobrancelhas’ tem cinco filmes previstos para serem lançados. A sua presença no mundo da moda não tem sido constante, mas Cara não abandonou a vida de modelo. Aliás, nesta última quarta-feira, foi revelada como o rosto de uma campanha para a ‘Saint Laurent’ – ‘La Collection de Paris’.

Artigo anterior

Efeitos dos estrogénios na mulher

Próximo artigo

Número de pessoas obesas no mundo agrava-se