Home»BEM-ESTAR»CORPO»Campanha nacional quer por os portugueses a mexer

Campanha nacional quer por os portugueses a mexer

Ação arranca no Dia Mundial da Atividade Física, 6 de abril, e termina no Portugal FIT, a 25 e 26 de novembro no MEO Arena, em Lisboa

Pinterest Google+

«Deste ano não passa» é o mote da campanha que quer por os portugueses a mexer desde o dia 6 de abril, Dia Mundial da Atividade Física, até aos dias 25 e 26 de novembro, dias em que se realiza o evento de fitness, Portugal Fit, no MEO Arena, em Lisboa.

 

A organização convida todos a cumprirem mesmo as suas resoluções de ano novo, depois de passada a motivação do primeiro trimestre do ano. Para tal, poderão contar com a ajuda de instrutores de fitness de todo o país que já aderiram e que assumem publicamente as suas resoluções no Facebook e Instagram através dos hashtags #desteanonãopassa, #pôrportugalamexer e #resoluçõespfit2017.

 

O registo no site portugalfit.pt simboliza o compromisso que cada pessoa assume consigo mesmo, já em abril, e dá direito a receber, regularmente, dicas úteis, sugestões de exercícios e alimentação e desafios mensais para ajudar a cumprir as metas.

 

Veja também: 10 alimentos para ganhar músculo e perder gordura

 

«Em 2017, queremos mudar a equação e fomentar os resultados positivos. A única razão para, repetidamente, “ficar em forma” ou “perder peso” ocuparem o primeiro lugar nos desejos de ano novo de pessoas em todo o mundo é, precisamente, o seu não cumprimento regular. Deixamos sempre para depois, porque há sempre mais um ano. Desta vez, o nosso objetivo é juntarmos forças e fornecermos ferramentas aos portugueses para que 2017 seja o seu ano. Mais do que policiarmos resultados, juntámos uma equipa multidisciplinar que irá desafiar e motivar todos os participantes ao longo dos próximos meses», avança André Manz, CEO Manz e fundador do Portugal FIT.

 

De acordo com um estudo realizado no Reino Unido, em 2015, cerca de 26% das pessoas fazem uma resolução de ano novo, sendo que apenas 12% deste universo a consegue seguir. De salientar que 38% dos desejos estão relacionados com treinar mais e perder peso e que mais de 50% de quem faz estas resoluções desmotiva durante o processo, acabando por desistir.

 

Veja também: 

Falta de atividade física no top dos principais riscos de morte, alerta a OMS

Correr na rua é igual a correr na passadeira?

O que é melhor? Máquinas de musculação ou pesos livres?

Artigo anterior

Escolha os acessórios certos para esta primavera

Próximo artigo

Psicóloga alerta para primeiros sinais de depressão