Home»FOTOS»Batata-doce: descubra os encantos desta doce raiz

Batata-doce: descubra os encantos desta doce raiz

Com o outono a aproximar-se a passos largos, a batata-doce vai regressar à nossa mesa. Mas conhece os seus benefícios e as diversas formas de como pode ser consumida? Faça uma revisão da matéria e encha já a sua despensa.

Pinterest Google+

Com a chegada do outono, que se aproxima a passos largos, sofremos algumas alterações na nossa dieta e passamos a consumir alimentos mais associados a esta época do ano, como é o caso das castanhas, da abóbora e da batata-doce. Esta traz inúmeros benefícios à sua saúde e pode ser consumida de várias formas. Veja algumas ideias na galeria acima.

 

Uma batata-doce crua contém água (77%), hidratos e carbono (20,1%), proteínas (1,6%), fibras (3%) e quase nenhuma gordura. Em média, encerra cerca de 103 calorias. Conhecida pela sua pele acastanhada e um interior maioritariamente laranja ou roxo, é ainda rica em vitaminas, minerais e fibras.

 

VEJA TAMBÉM: UVAS: USE E ABUSE DELAS AGORA

 

Devido à elevada riqueza nutricional destas batatas, que não têm nada a ver com as batatas que normalmente comemos, faz com que façam bem a inúmeras coisas, tais como a prevenção do risco de cancro (já que é rica em antioxidantes), ajuda a fazer uma boa digestão (pois são ricas em fibras) ou a controlar a diabetes tipo 2, pois a batata-doce ajuda, se realizar um consumo moderado, a subir o nível de açúcar no sangue.

 

A cor laranja destas batatas está associada à presença de betacarotenos, que no nosso corpo é transformado em vitamina A (uma deficiência nesta vitamina pode levar à cegueira ou morte). Uma batata-doce contém cerca de 400 vezes da dose diária recomendada de vitamina A. Comparado com outras fontes, a batata-doce contém a variedade “trans” do betacaroteno, que é altamente biodisponível. Isto faz com que o consumo de batata-doce seja uma boa estratégia na luta contra a deficiência de vitamina A nos países em desenvolvimento.

 

As batatas-doces podem ser comidas por todos e devem ser adicionadas à sua dieta devido ao seu elevado nível nutricional. Mas, como em todos os alimentos, estas devem ser consumidas em moderação, pois estas têm muitos oxalatos, o que pode provocar pedras nos rins.

 

VEJA TAMBÉM: PORQUE DEVE INCLUIR O PÓLEN DE ABELHA NA SUA DIETA

 

Normalmente as batatas-doces, que são utilizadas como acompanhamentos ou chegam mesmo a substituir as batatas normais, são consumidas cozidas, mas cozinhar faz com que haja uma redução nos níveis de betacaroteno. Por outro lado, ao cozer há um aumento do conteúdo de vitamina C. Mas, para além de cozida, a forma mais rápida de preparar uma batata-doce é no micro-ondas. Este tubérculo pode ainda ser consumido assado ou frito.

 

Numa escolha entre a batata normal e a batata-doce, esta última é uma escolha mais saudável, pois são nutricionalmente mais ricas, saborosas, fáceis de incorporar em qualquer tipo de dieta e altamente recomendáveis pois não apresentam qualquer tipo de toxinas. Mas evite comprar batata-doce com pele macia ou rugas, rachaduras ou pontos moles. Guarde-as num local fresco e seco durante três a cinco semanas.

 

Artigo anterior

TPC: sim ou não?

Próximo artigo

Artistas vão criar obras de arte com smartphone no Festival Iminente