Sobre o Autor

Michele Pó

Michele Pó

Terapeuta de Ayurveda. Leciona Medicina Ayurvédica no Instituto de Medicina Tradicional e Svasthvrtta e Dietética e Nutrição Ayurvédica no IPTO – Associação de Práticas e Terapêuticas Orientais. Escreve quinzenalmente à terça-feira.

Sabores e emoções explicados pela medicina ayurvédica

Para manter o equilíbrio apropriado da química do corpo é importante estarmos conscientes da atividade dos elementos dentro do nosso organismo. Com este conhecimento podemos orquestrar o ritmo do corpo e da mente, acrescentando ou subtraindo elementos da dieta conforme o necessário. Por Michele Pó.
Nidra: adormecer com a Ayurveda

Dormir significa relaxamento total do corpo e da mente, nenhuma atividade de espírito, nenhum movimento na mente. É o estado de inconsciência para com o exterior. A mente está parada no sono real. O sono é considerado um dos pilares de sustentação da vida e da saúde na Ayurveda. Por Michele Pó.
Ayurveda e a intimidade: Orientações para uma vida sexual equilibrada

Falar de saúde íntima é ainda um desafio na nossa cultura. Nas culturas ancestrais era, contudo, fundamental para que a harmonia reinasse entre os pares. A Ayurveda, como linguagem de sabedoria, desde há milhares de anos que faculta informação e fomenta o nosso autoconhecimento ao nível da intimidade, tanto ao nível físico, como também ao nível emocional, mental e...
Ayurveda e o feminino: o ritmo dos ciclos menstruais

Em várias línguas as palavras menstruação e lua são as mesmas ou estão associadas. A palavra menstruação significa "mudança da lua" e "mens" é lua. Alguns camponeses alemães chamam o período menstrual de "a lua". Em França é chamado de "le moment de la luna". Por Michele Pó.
Foto: freepik

A Ayurveda é o manual de instruções de que muitos sentem a falta para lidar com o seu quotidiano. Pleno de recomendações e linhas orientadoras, o conhecimento ayurvédico tem como propósito final ajudar a materializar uma vivência plena, saudável, consciente e, por isso tudo, feliz. Por Michele Pó.
Mimo e cuidados de outono com a Ayurveda

Apesar de começarmos a ter de nos habituar à indefinição das estações do ano derivadas às alterações climáticas, alguma regularidade pode ainda ser observada, e naturalmente respeitada de forma a mantermo-nos em equilíbrio. Por Michele Pó.
12 Inspirações para um despertar ayurvédico

Existem ritmos de sono, de fecundação e até o ritmo do nosso pulso se altera de acordo com a hora, o momento do dia ou a estação do ano. Muitos dos desequilíbrios surgem precisamente pela inexistência de ritmo e por uma desatenção instalada em relação ao pulsar da vida no nosso corpo. Por Michele Pó.
Foto: freepik

Com mais de quatro mil anos de prática, esta massagem é feita em bebés e crianças para estimular a sua inteligência, nos jovens para acalmar as alterações próprias da adolescência, nos adultos para fomentar a boa disposição e nos idosos para incrementar a sua longevidade e saúde. Por Michele Pó.
Cominhos, um sabor do outro mundo

Esta planta milenar corre mundo desde tempos imemoriais, sendo usada como tempero em inúmeros pratos pelo eu sabor forte, penetrante e apimentado. Mas não só. Tem muitas outras aplicações, incluindo medicinais, beneficiando desde o sistema digestivo ao cardiovascular. Conheça melhor esta semente e surpreenda-se com algumas das suas aplicações. Por Michele Pó.
Ghee - a manteiga clarificada de que tanto se fala.

Os laticínios, em especial o leite e o ghee (manteiga clarificada), continuam a ser uma parte importante das recomendações dietéticas ayurvédicas e são ingredientes comuns nos medicamentos ayurvédicos e nos produtos à base de plantas. Por Michele Pó.