Home»BEM-ESTAR»COMPORTAMENTO»Ator principal ou espetador?

Ator principal ou espetador?

Pinterest Google+

Os acontecimentos da nossa vida formam memórias e, consoante a intensidade desses momentos, as memórias podem ficar repletas de emoções mais ou menos positivas.

 

Alguns acontecimentos contêm em si uma carga emocional tão forte que, mesmo após alguns anos, ainda nos lembramos vivamente deles e, ao fazê-lo, associamos rapidamente a emoção ou emoções neles contidas e “parece que estão a acontecer agora”.

 

Outros acontecimentos, apesar de na altura terem sido significativos, parecem ter perdido alguma emoção e é, por isso, frequente dizermos coisas como “hoje quando olho para trás parece que já não sinto nada”.

 
Porque será que isto acontece e, mais importante ainda que tenho esta mania de me focar mais nos resultados que nos processos, o que podemos fazer para alterar uma memória menos agradável?

 
Sempre que recorremos ao nosso “disco rígido” para aceder a uma qualquer memória, é frequente chegar até nós as imagens dela, os sons, as emoções ou tudo combinado. E é também frequente que algumas memórias sejam revividas como se fossemos o ator ou atriz principal, ou seja, vendo tudo com os nossos próprios olhos, e outras são revividas como se fosse um filme no qual hoje somos apenas um/a espetador/a. Em PNL, chamamos a isto estar associado/a ou dissociado/a respetivamente.

 

As técnicas dissociativas são extremamente úteis e rápidas para mudarmos a perspetiva que temos face a uma qualquer situação. Assim, gostaria de lhe propor que começasse por pensar numa memória agradável da sua vida. Algo bem presente, por exemplo, as últimas férias de verão, uma viagem recente, um jantar com amigos ou alguém especial. Aceda a essa memória e preste atenção se está a rever tudo com os “seus próprios olhos”, ou seja, na primeira pessoa, ou se está a rever como se estivesse no cinema ou a ver um vídeo. Anote o que aconteceu.

Artigo anterior

Feira Ambiente mostra tendências mundiais em bens de consumo

Próximo artigo

Leonardo DiCaprio paga para reviver experiência de ‘O Renascido’