Home»VIDA»ALTERNATIVAS»Astrologia medicinal: Conceção do Corpo Holístico

Astrologia medicinal: Conceção do Corpo Holístico

Os obstáculos à livre circulação de energia são os elementos físicos ou mentais e emocionais que impedem o fluxo que corre através do corpo.

Pinterest Google+

A saúde de um organismo, do ponto de vista energético, depende da qualidade da sua pulsação biológica e do equilíbrio entre carga / descarga, expansão / contração, com dimensão psicossomática. As alterações nessa equação energética desencadeariam as diversas patologias, tanto físicas quanto emocionais.

 

O corpo humano é dividido de acordo com essa análise em duas partes diferentes, cujo equilíbrio resultará em saúde:

Metade superior do corpo: está relacionada com a função de carga de energia e com a oxigenação, a alimentação e os estímulos que processamos através dos sentidos. HEMISFÉRIO SUL

 

Metade inferior do corpo: está relacionada com a função de descarga de energia e com as funções de movimento (motor) e sexualidade. HEMISFÉRIO NORTE

 

Os obstáculos à livre circulação de energia são os elementos físicos ou mentais e emocionais que impedem o fluxo que corre através do corpo. Essa situação criará um estado de contração gerado por mecanismos de defesa a nível físico e psíquico, e que se desenvolverá desde a infância quando confrontados com situações de frustração e emocionalmente tensos. Usar a técnica de gestação ensinada no curso de formação profissional em Astrologia, técnica desenvolvida por mim, será de extrema importância.

 

O trabalho energético é realizado graças a certas técnicas psicoterapêuticas bioenergéticas, que incluem exercícios e meios para poder diagnosticar exatamente o que o problema do paciente está além da mera doença em nível fisiológico. Para esta análise, atenção é dada à voz, à estrutura e postura do corpo, ao olhar e também à expressão verbal. LUA E SOL, MERCÚRIO, SATURNO E VÉNUS.

 

O objetivo dessas técnicas será mobilizar a energia, restaurando o fluxo que foi dificultado pelas diferentes tensões que o terapeuta observa no corpo do paciente e que podem afetar as funções fisiológicas, emocionais, intelectuais e espirituais. Na astrologia estes planetas, seus aspetos e regências de casa e posicionamento ajudam nas técnicas mais avançadas, como Retorno solar, Progressões, Fatum e também os trânsitos, para podermos entender como irá atuar a terapia bioenergética.

 

Artigo anterior

Salada de quinoa e grão com manga e molho de abacate

Próximo artigo

Menta, hibisco, camomila... Escolha o melhor chá para si