Home»FOTOS»Da chia ao girassol: as sementes que deve conhecer

Da chia ao girassol: as sementes que deve conhecer

Os produtos naturais fazem cada vez mais parte da nossa alimentação. E as sementes são muito procuradas por quem quer fazer uma alimentação o mais equilibrada possível. Vamos então conhecer as sete sementes de que todos falam e perceber quais os reais benefícios para a nossa saúde.

Pinterest Google+

Sementes de chia: É a sensação do momento por parecer realmente milagrosa na perda de peso. Esta semente aumenta o seu peso até dez vezes, ao ter contato com a água, auxiliando no funcionamento do metabolismo lipídico. Já no estômago, a chia retarda o esvaziamento gástrico, ajudando a reduzir o apetite e aumentando a sensação de saciedade. Além disso, a chia apresenta maior concentração de ómega 3 do que a linhaça ou o salmão. Pode adicionar a sumos, iogurtes, frutas, molhos, etc.

 

Semente de linhaça: Possui hidratos de carbono, proteínas, fibras, ómega 3 e 6. Há vários tipos de semente de linhaça, mas todas têm benefícios idênticos: aliviam os sintomas da menopausa e TPM, aumentam a sensação de bem estar e saciedade, equilibram os níveis de açúcar no sangue, reduzem o colesterol, combatem a anemia e regulam a função intestinal. Consuma até duas colheres de sopa por dia ao natural.

 

VEJA TAMBÉM: DA LINHA AO SISTEMA IMUNITÁRIO: OS BENEFÍCIOS DE BEBER ÁGUA MORNA COM LIMÃO

 

Sementes ou grãos de quinoa: Fonte de proteína, hidratos de carbono, vitaminas, minerais, aminoácidos, fibras e cálcio, é uma das sementes mais populares do momento. Não possui glúten, sendo por isso ideal para quem sofre de doença celíaca. É benéfica para o sistema nervoso, fortalece o sistema imunitário, aumenta a ação das enzimas que combatem os radicais livres, favorece o crescimento do cabelo e controla a pressão arterial. Lavar antes de consumir. Pode consumir quatro colheres por dia.

 

Sementes de abóbora: Estas sementes são antioxidantes e ajudam a saciar o apetite, sendo um ótimo snack entre refeições, sozinhas ou com iogurte e frutas, por exemplo. As sementes da abóbora são ainda conhecidas por melhorarem a saúde do cabelo, unhas, mucosas e olhos e ajudarem a equilibrar a tensão arterial e a reduzirem o mau colesterol.

 

VEJA TAMBÉM: RANKING: OS ALIMENTOS MAIS DELICIOSOS DO MUNDO

 

Sementes de girassol: Rica em fibras, vitaminas A e E, magnésio, selénio e ómega 6. O consumo regular de sementes de girassol ajuda na função intestinal, previne cãibras, regula o colesterol, equilibra a pressão arterial, previne a osteoporose, reduz o stress e melhora a qualidade do sono. Consuma três colheres de sopa por dia.

 

Sementes de sésamo ou gergelim: Além do cobre, são também uma boa fonte de cálcio, magnésio, ferro, fósforo, vitamina B1, zinco e fibra alimentar. Além destes importantes nutrientes, as sementes de sésamo contêm duas substâncias específicas: a sesamina e a sesamolina, que possuem um efeito de redução do colesterol, evitam a pressão alta e protegem o fígado.

 

Sementes de papoila: Estas sementes são ricas em ómega-3, minerais, fibras e vitaminas. Têm também propriedades calmantes e podem ser incorporadas diariamente na alimentação.

 

 

Artigo anterior

Satisfação dos doentes do IPO Lisboa continua muito elevada

Próximo artigo

Plataforma promove Portugal como destino de casamentos alternativos