Home»ATUALIDADE»ESPECIALISTAS»Alimento é vida – letra A

Alimento é vida – letra A

Ser saudável é algo que todos nós desejamos alcançar. Mas nos tempos atuais é difícil de conseguir em plena harmonia, porque as nossas vidas são preenchidas de muitas tarefas que nos levam à perda de algumas funções metabólicas essenciais ao bem-estar e à saúde plena. Alimente-se bem de A a Z. Vou trazer-vos conselhos e pequenas receitas que podem ser aplicadas em todas as idades.

Pinterest Google+

Ao longo de 26 crónicas (letras do alfabeto), vou trazer-vos conselhos e pequenas receitas que podem ser aplicadas em todas as idades, salvo em pessoas com patologias clínicas específicas. Se estiver doente, consulte sempre um profissional de saúde. Hoje damos início à Letra A. A de Amor, uma definição que deve começar por ser usada em nós próprios, pois ao nos amarmos seremos então capazes de amar o nosso semelhante.

 

Alimentos – abacate, abacaxi, açaí, ameixa, amora, acerola, abóbora, anona, alho.

 

Vitamina A – é um dos antioxidantes que previne o envelhecimento precoce e as doenças cardiovasculares. Esta vitamina, mantém a saúde da visão, da pele e dos cabelos e fortalece o sistema autoimune, responsável pela reprodução.

 

A carência de vitamina A provoca pele e cabelo seco, desidratado, unhas quebradiças e frequentes estados gripais, dores de cabeça constantes, anemia e diminuição da visão noturna e também da fertilidade.

 

Alimentos ricos em Vitamina A – gema do ovo, óleo de peixes, cenoura, batata doce, salsa, espinafres, manga, abacate, mamão e tomate.

 

Minerais de Letra A –  Argila, faz parte dos oligoelementos que o nosso metabolismo necessita para preservar a harmonia dos minerais. É constituída por minerais filossilicatos de baixa cristalinidade e partículas pequenas, com hidróxidos coloidais floculados e diversos componentes cristalinos amorfos. Pela sua diversidade mineral, é composta de várias cores, consoante a região geográfica de colheita.

 

Pode ser utilizada de várias formas, como auxiliar ou de ação preventiva em vários tratamentos do corpo, quer de uso oral, aerossol, aplicação tópica, em máscaras de tratamentos, em supositórios, comprimidos, emplastros ou em lavagem intestinal (enemas).

 

Tem ação reguladora das glândulas endócrinas, no controle de acne, remove as células mortas e elimina bactérias, vírus e vermes. Reduz as dores articulares e musculares, edemas e traumatismos. Estimula a produção de colágeno e elastina da pele, clareia a pele e a sua energia eletromagnética deixa-nos mais enérgicos e felizes. Amplamente usada para reduzir os efeitos colaterais em caso de tratamentos cancerígenos com quimioterapia. É uma das terapias da medicina natural mais antiga, usada no combate à peste negra e à malária.

 

Receita FuncionalAbacate (mousse)

Receita para duas pessoas

Ingredientes:

  • 2 abacates de tamanho médio, bem maduros.
  • 2 colheres de sobremesa de canela em pó.
  • 1 limão pequeno(sumo)
  • 4 colheres de sopa de mel de abelha.

 

Preparação:

Retire o caroço aos abacates, coloque a polpa num copo triturador, junte todos os ingredientes e bata até atingir uma consistência macia. Sirva numa taça e polvilhe com cacau em pó. Este alimento pode ser comido como pequeno almoço, ou como um lanche a meio da tarde (17h).

 

O abacate é um alimento que devido às suas propriedades deve ser consumido 1 a 2 x por semana. Possui 4 tipos de ácidos gordos, o ácido palmítico (um tipo de gordura saturada), o ácido oleico ou ômega 9, o ácido palmitoleico ou ómega 7 e o ácido linoleico ou ômega 6, sendo que aproximadamente 63% são de ômega 9, um tipo de gordura monoinsaturada, muito importante no controle das doenças cardiovasculares (colesterol). É de ação antioxidante, antibacteriano, antifúngico e afrodisíaco.

 

Contém vitamina A, vitaminas do complexo B, C, E, minerais como o potássio, cálcio e ferro. Importante consumir no controle de doenças, como anemia, cansaço, colesterol elevado, hipertensão, gastrite, úlceras duodenais, pele envelhecida, menstruação irregular e diabetes.

 

A saúde é o estado de normalidade do corpo, por isso bastam pequenos gestos de amor próprio para sermos saudáveis e felizes. Alimente-se bem.

 

Artigo anterior

Festival internacional de balões de ar quente de regresso ao Alentejo

Próximo artigo

Reacender a chama da paixão é possível