Home»ATUALIDADE»ENTREVISTAS»Alexandre Fernandes: «É possível comer chocolate e perder até seis quilos em 21 dias»

Alexandre Fernandes: «É possível comer chocolate e perder até seis quilos em 21 dias»

O nutricionista Alexandre Fernandes acaba de lançar o livro “Dieta do Chocolate”, que explica, de forma clara e fundamentada, como é possível emagrecer sem renunciar a um dos alimentos mais tentadores do mundo. E nós quisemos saber mais!

Pinterest Google+

Chocolate e dietas não costumam combinar. Qual a ideia subjacente a este livro que agora lança?

Este livro tem como principal objetivo emagrecer a comer chocolate. Acima de tudo, tenciono que com uma alimentação saudável e equilibrada, associado a um estilo de vida igualmente saudável, a pessoa consiga perder alguns “quilinhos” a comer um dos alimentos mais apreciados do mundo, que é o chocolate.

 

O que podemos encontrar concretamente neste livro “Dieta do Chocolate”?

Faço a diferenciação entre sexos, ou seja, encontramos um esquema alimentar para mulheres e para homens – com diferenças calóricas e nutricionais. Se, por algum motivo, a pessoa não gosta de um alimento prescrito, ou mesmo tem alguma alergia alimentar, pode na mesma cumprir as calorias diárias necessárias, bastando simplesmente fazer as equivalências e substituir o alimento que não quer por outro.

No livro, também podemos encontrar todas as receitas das refeições, assim como as melhores e as mais deliciosas receitas de chocolate. Porque um dia não são dias, eu faço questão que as pessoas possam comer qualquer uma das saborosas receitas de chocolate, uma vez por semana, e sempre nas quantidades que estão indicadas. Nem mais grama, nem menos grama!

 

E quais as grandes diferenças na dieta para homens e mulheres?

A principal diferença é em termos calóricos e nutricionais, porque ambos os sexos vão ter necessidades diferentes. Daí a necessidade de fazer esta diferenciação. Se esquematizasse um único plano alimentar, as mulheres poderiam estar a comer a mais (não promovendo o emagrecimento), e/ou os homens poderiam estar a comer a menos (o que levaria a situações de fome constantes e diárias).

 

De que forma podemos incluir o chocolate na alimentação sem sentimentos de culpa  e sem prejuízo de uma boa alimentação?

O consumo moderado é o segredo! No momento de comer chocolate, a pessoa deve focar-se naquele momento, para apreciar e deliciar-se com esta iguaria. Fora isso, deve manter os seus pensamentos longe do chocolate.

 

Porque é tao difícil parar de comer chocolate, inclusive nas dietas?

Na minha opinião, apesar de não haver evidências científicas suficientes para que o chocolate seja considerado um vício, algumas pessoas referem que este alimento dá uma sensação de energia, alegria, bem-estar e euforia após o consumo, e indicam alguns sintomas quando são privadas do seu consumo (como por exemplo, dores de cabeça, tremores, insónias, arrepios, tristeza, mau humor, inquietação), de maneira semelhante a um síndrome de abstinência, chegando mesmo a sair de casa de madrugada só para comprar chocolate. Estas principais causas têm origens diversas, como problemas emocionais, carência afetiva, alterações hormonais, dietas muito restritivas e carências nutricionais, por exemplo.

Artigo anterior

Acampar com luxo em Portugal

Próximo artigo

Snowga: o novo ramo do yoga