Home»ATUALIDADE»NOTÍCIAS»Açúcar pode ter impacto no desenvolvimento do cancro da mama

Açúcar pode ter impacto no desenvolvimento do cancro da mama

O açúcar tem-se revelado um contributo significativo para uma epidemia de obesidade, doenças cardíacas e cancro no mundo inteiro.

Pinterest Google+
PUB

De acordo com um estudo realizado pelo Centro de Cancro de MD Anderson da Universidade do Texas, Estados Unidos, as quantidades elevadas de açúcar dietético na típica dieta ocidental podem aumentar o risco de cancro de mama e de metástases nos pulmões.

 

Os resultados publicados na 1ª edição de janeiro do jornal ‘Investigação sobre o Cancro’ demonstram o efeito do açúcar dietético numa via de sinalização enzimática conhecida como 12-LOX (12 – lipoxigenase).

 

«Descobrimos que a ingestão de sacarose nos ratos, comparados aos níveis de dietas ocidentais, resultam num aumento do crescimento de tumores e metástases, quando comparado a uma dieta de amido sem açúcar», disse Peiying Yang ao jornal ‘Investigação Sobre o Cancro’. Segundo o professor assistente de cuidados paliativos, reabilitação e medicina integrativa, «isto deveu-se, em parte, ao aumento da expressão de 12-LOX e a um ácido gordo chamado 12-HETE».

 

Veja a galeria: Formas de eliminar o açúcar da sua dieta

 

Este estudo foi posto à prova com vários tipos de ratos. «Determinámos que era especificamente a frutose, o açúcar de mesa e o xarope de milho – omnipresentes no nosso sistema alimentar – que foram responsáveis por facilitar a metástase pulmonar e a produção de 12-HETE nos cancros de mama», afirmou o coautor do estudo, Lorenzo Cohen.

Artigo anterior

Solverde SPA & Wellness Center lança sistema de flutuação

Próximo artigo

Tendências alimentares de 2016