Home»FOTOS»Açúcar dissimulado: elimine-o da sua dieta

Açúcar dissimulado: elimine-o da sua dieta

O açúcar é um dos nossos piores inimigos e é adicionado a alimentos onde não esperamos encontrá-lo. Elaboramos uma lista de dicas úteis para ajudar a reduzir o consumo de açúcar.

Pinterest Google+
PUB

Açúcar escondido: Se compra aveia com sabor, o mais provável é que tenha grandes doses de açúcar. Por isso, prefira a aveia natural e use adoçantes sem calorias, como pó de baunilha ou canela para dar um sabor interessante. Saiba ainda que a canela ajuda a regular o nível de açúcar no sangue, o que ajuda a controlar o apetite. Leia as tabelas de informação nutricional de todos os alimentos que consome para ter a certeza de que estes não têm mais açúcar do que o esperado. Surpreendentemente, molhos e pão de forma, por exemplo, também contém açúcar.

 

Bebidas: Existe a ideia generalizada de que, no campo das bebidas, as gaseificadas são o inimigo número um. Mas a verdade é que há inúmeras outras bebidas, algumas até tidas como saudáveis, que contém doses maiores de açúcar do que o esperado. Caso disso são as águas com sabores, bebidas energéticas, chás gelados e até sumos de fruta engarrafados.

 

Viva as proteínas: Há hidratos de carbono, nomeadamente pão, cheios de açúcares pouco saudáveis, que fazem com que o nível de açúcar no sangue suba e desça rapidamente, criando a sensação de fome. Por isso, ao pequeno-almoço, preferia ingerir proteínas e gorduras saudáveis, como abacate ou amêndoas, juntamente com ovos ou pão integral, o que vai fazer com que se sinta satisfeita por mais tempo.

 

VEJA TAMBÉM: JÁ OUVIU FALAR NA DIETA LCFH? É BAIXA EM HIDRATOS DE CARBONO E ALTA EM GORDURAS SAUDÁVEIS

 

Aprenda os sinónimos: Quando começar a olhar para os rótulos dos alimentos, tem de conhecer mais do que a palavra “açúcar” porque este surge com nomes diferentes como frutose, açúcar invertido, sacarose. Conheça os vários tipos de adoçantes e faça compras informadas.

rotulo

Etiqueta “sem açúcar”: Comece a preferir os alimentos etiquetados com “sem açúcares adicionados”. Prefira assim leite de soja ou manteiga de frutos secos, aveia sem açúcar, etc.

 

Aprenda a saborear: Quando começar a redução de açúcar da sua dieta, pode sentir-se tentada a usar adoçantes ou outros produtos. Mas aprenda a apreciar o verdadeiro sabor dos alimentos pois, como outras coisas no nosso corpo, o paladar também pode ser treinado. Ao reduzir a ingestão de açúcares, aos poucos, vai perceber que cada vez mais os doces que consumia regularmente lhe vão saber demasiado a açúcar e a sua tolerância vai diminuir.

 

Premeie-se: Acredite que, quanto menos açúcar ingerir, menos terá vontade de o fazer. No entanto, permita-se a esse prazer de vez em quando, se for essa a sua vontade. Defina que pode comer sobremesa uma vez por semana ou quando come num restaurante, por exemplo. A ideia é reduzir os açúcares desnecessários da sua dieta para consumir a dose permitida de açúcar de forma inteligente, informada e equilibrada.

 

VEJA TAMBÉM: 

O GRANDE DESAFIO: MANTER-SE MAGRO!

APETECE-LHE PIZZA? TORNE-A MAIS SAUDÁVEL

SUGESTÕES PARA PETISCAR COM (ALGUM) EQUILÍBRIO

ALIMENTOS RICOS EM HIDRATOS DE CARBONO QUE FAZEM MUITO BEM À SAÚDE

COMO UMA BOA ALIMENTAÇÃO PODE AJUDAR A PREVENIR DOENÇAS CARDÍACAS

Artigo anterior

Vídeo: Como se abre uma ostra

Próximo artigo

Vigorexia: o culto do músculo