Home»ATUALIDADE»ESPECIALISTAS»À mesa com… a tangerina

À mesa com… a tangerina

Além do conteúdo importante em vitamina C, fósforo e cálcio, a grande característica da tangerina é de ser grande fonte de magnésio. Conheça todos os benefícios para a sua saúde, e são imensos.

Pinterest Google+

A tangeria é uma fruta muito semelhante à laranja, mas mais pequena e espalmada na base. A casca é lisa, tem uma coloração alaranjada e brilhante e é bastante fácil de descascar com as mãos. Vulgarmente é consumida fresca, embora sejam conhecidas as conservas de gomos de tangerinas. A polpa tanto pode ser doce como muito doce.

 

A tangerina é uma fruta que tem muitos apreciadores, até porque existem muitas vantagens, é pequena, fácil de descascar e doce. É indicada para pessoas de qualquer idade e pode ser comida ao meio da manhã, ao lanche, ou como algumas pessoas preferem como sobremesa depois do almoço ou do jantar. É uma fruta rica em vitaminas, principalmente C, ácido fólico, possui sais minerais como potássio e magnésio, e é bastante saudável para o intestino.

 

Consumo

A tangerina pode ser ingerida na sua forma natural, ou seja, como fruta fresca. Mas também podemos encontrá-la na forma de gelados, sumos e doces (sobremesas). O tipo de fruta mais nutritivo é exactamente aquela tangerina que apresenta características arredondadas, de casca espessa e laranja forte, facilmente removível, e que oferece uma boa quantidade de sumo que é bastante nutritivo, doce e ácido (ao mesmo tempo).

 

Veja também: Talvez não esteja a perder peso porque…

 

Valor calórico

Não é muito calórica, apresentando aproximadamente 40 calorias por 100 gramas.

 

Valor nutricional

É uma fruta que apresenta uma grande quantidade de magnésio, uma quantidade razoável de sais minerais (cálcio, fósforo, sódio, potássio e ferro). E apresenta também vitaminas como, por exemplo, A, C e algumas do complexo B.

 

Por curiosidade o exemplo da tangerina prova mais uma vez que é na casca onde estão concentradas maiores quantidades de nutrientes, apresentando neste caso comparativamente em relação ao seu sumo percentagens muito maiores de vitamina A (700%), vitamina B1 (170%), riboflavina (220%), niacina (180%), vitamina C (290%), cálcio (800%), fósforo (140%) e ferro (400%).

 

Nota – o valor nutricional também varia de acordo com a espécie de tangerina.

 

Veja também: Como dominuir a tensão pré-menstrual através da alimentação

 

Benefícios para a saúde

Além do conteúdo importante em vitamina C, fósforo e cálcio, a grande característica da tangerina é de ser grande fonte de magnésio (como já referido anteriormente) para o ser humano. E é sobre a riqueza em magnésio que vou descrever alguns benefícios para a saúde da ingestão de tangerinas.

 

Um adulto contém aproximadamente de 20 a 28 gramas de magnésio, cerca de 60% localizados nos ossos, 26% nos músculos e a restante quantidade está espalhada pelos tecidos moles e pelas células.

Artigo anterior

Aquecer a cozinha para o outono: veja como a decorar

Próximo artigo

‘Culinary Extravaganza’ leva alta gastronomia ao Algarve