Home»VIDA»CARREIRA»A melhor altura para uma pausa no trabalho é a meio da manhã

A melhor altura para uma pausa no trabalho é a meio da manhã

Um estudo da Universidade de Baylor, nos Estados Unidos, analisou a altura do dia em que as pausas no trabalho mais ajudam a elevar a energia, concentração e motivação. Ora leia, para ter uma melhor semana de trabalho.

Pinterest Google+

As pausas ao longo do dia de trabalho são comuns. Porém, há alturas do dia em que elas são mais profícuas a aumentar os níveis de produtividade. E o meio da manhã é o momento em que a pausa mais ajuda a elevar a energia, concentração e motivação para o dia de trabalho. A conclusão deriva de um estudo realizado pela Universidade de Baylor, nos Estados Unidos.

 

Os investigadores concluíram que trabalhar arduamente toda a manhã para maior produtividade é um mito, e que a pausa a meio da manhã beneficia tanto os empregados como as empresas. Além disso, fazer também melhores pausas, com soluções que agradem aos funcionários, ajudam ainda mais neste campo. «Descobrimos que, quantas mais horas decorrem desde o início do trabalho, menos recursos são utilizados e mais sintomas desagradáveis foram relatados depois de uma pausa», diz o estudo. «Portanto, a pausa no final do dia parece ser menos eficaz».

 

VEJA TAMBÉM:SETE PASSOS ATÉ À PROMOÇÃO (SEGUNDO UMA GESTORA DE CARREIRAS)

 

As investigadoras Emily Hunter e Cindy Wu analisaram o comportamento de 95 trabalhadores, entre os 22 e os 67 anos, durante uma semana, aos quais foi pedido que preenchessem um questionário sempre que fizessem uma pausa nesse período, incluindo almoços, lanches, socialização com colegas e envio de emails pessoais. Ao todo, as investigadoras analisaram 959 ficheiros, numa média de duas pausas por dia por pessoa.

 

«Pegámos em algumas hipóteses do que considerávamos que seria útil numa pausa e testámo-las de forma empírica. O que descobrimos foi que uma boa pausa não se consegue com muitas destas hipóteses que conhecíamos», disse Emily Hunter.

 

VEJA TAMBÉM: SABE O QUE OS SEUS COLEGAS DE TRABALHO PENSAM SOBRE SI? ESTUDO DIZ QUE NÃO FAZ IDEIA

 

Assim sendo, para além da conclusão de que o meio da manhã é o momento em que a pausa é mais eficaz, as investigadoras perceberam também que se as pausas forem aproveitadas para os colaboradores fazerem algo de que gostam, os níveis de disposição e energia disparam contagiando assim o período laboral subsequente.

 

O tempo da pausa também não interessa. É mais importante fazer algo interessante em pouco tempo do que ficar muito tempo a descansar. Várias pausas pequenas são também mais benéficas do que poucas mas longas. «Ao contrário dos telemóveis, que devem descarregar para depois os carregarmos a 100 por cento, as pessoas precisam de recarregar com frequência ao longo do dia», concluiu Hunter.

Artigo anterior

Vai arrendar casa para férias?

Próximo artigo

Stress e ansiedade: como não fazer as escolhas alimentares erradas