Home»BEM-ESTAR»COMPORTAMENTO»A forma como respondemos ao drama depende se somos pensadores analíticos ou holísticos

A forma como respondemos ao drama depende se somos pensadores analíticos ou holísticos

Um estudo realizado na Finlândia verifica que os pensadores analíticos e os holísticos veem o mundo e os eventos de maneiras muito diferentes. O estudo ganha relevo porque este tipo de pesquisa tem-se focado nas diferenças culturais entre o Ocidente e o Oriente, sendo o pensamento analítico mais detetado nas culturas ocidentais e o holístico nas orientais. Agora, pela primeira vez, o estudo foi realizado dentro de uma só cultura e distinguiu as duas vertentes de pensamento.

Pinterest Google+

Imagens de ressonância magnética de pessoas que viam um excerto de um filme dramático mostram que todos os pensadores holísticos têm respostas cerebrais semelhantes à cena, enquanto que os pensadores analíticos respondem de forma diferente uns dos outros. Pesquisadores da Universidade de Aalto, na Finlândia, mostraram aos voluntários o filme ‘Para a Minha Irmã’ enquanto estavam deitados e apetrechados com um scanner de ressonância magnética.

 

O estudo comparou a atividade cerebral dos voluntários e concluiu que os pensadores holísticos viam o filme de forma mais semelhante entre si do que os pensadores analíticos. Além disso, pensadores holísticos processaram as questões morais do filme e conexões factuais dentro do filme de forma mais semelhante entre si do que os pensadores analíticos.

 

Até ao momento, a pesquisa que trata de visões analíticas e holísticas focou-se nas diferenças culturais entre o Oriente e o Ocidente: mais pensamento analítico foi detetado nas culturas ocidentais e mais pensamento holístico nas culturas orientais. Agora, pela primeira vez, o estudo foi realizado dentro de uma cultura.

 

VEJA TAMBÉM: NO ESCRITÓRIO: COMO MANTER O BOM HUMOR DURANTE TODA A SEMANA

 

Antes de conduzir a ressonância magnética, as 26 pessoas que participaram na pesquisa foram divididas em pensadores holísticos e analíticos, com base numa pesquisa de avaliação previamente estabelecida. De acordo com estudos anteriores, pensadores analíticos prestam atenção a objetos e pessoas enquanto olham para fotografias, enquanto que os pensadores holísticos também consideram o contexto e contexto. «Os pensadores holísticos mostraram mais semelhanças em extensas áreas do córtex cerebral do que pensadores analíticos. Isso sugere que os pensadores holísticos percebem um filme de forma mais semelhante entre si do que os pensadores analíticos», diz o professor Iiro Jääskeläinen.

 

Significativamente mais similaridade foi observada em pensadores holísticos nas partes do cérebro geralmente relacionadas com o processamento moral – nas partes occipital, pré-frontal e anterior dos córtices temporais. Isso sugere que os pensadores holísticos processaram as questões morais de maneira semelhante. As partes anteriores dos lobos temporais, no entanto, processam significados de palavras.

 

VEJA TAMBÉM: COMBATA A DEPRESSÃO DE INVERNO

 

Os pensadores analíticos mostraram semelhanças principalmente nas partes sensorial e auditiva do cérebro. Eles ouvem o diálogo literalmente, enquanto os pensadores holísticos percebem os significados através do contexto e da sua própria interpretação da narrativa do filme. «Foi surpreendente encontrar tantas grandes diferenças em tantas áreas cerebrais entre os grupos», disse Jääskeläinen. «Os pensadores analíticos e holísticos veem claramente o mundo e os eventos de maneiras muito diferentes. Com base no córtex visual, pode-se ainda concluir que os pensadores holísticos seguem as cenas do filme de forma mais semelhante, enquanto os pensadores analíticos são mais individuais e concentram-se mais nos detalhes».

 

«A pesquisa pode ajudar as pessoas a entender o modo como outras pessoas observam o mundo. Um pensador holístico pode achar frustrante que um pensador analítico interprete as coisas literalmente, se atente nos detalhes e não veja o quadro geral ou o contexto. Um pensador analítico pode, por outro lado, ver o pensador holístico como uma pessoa supersticiosa, que acredita em longos elos causais, como o efeito borboleta», explica o analista.

 

As pessoas dramáticas têm tendência a criar problemas e pensam constantemente que são elas as vítimas. Meça o seu nível de drama através deste teste: quanto mais concordar com as declarações que lê na galeria acima, maior é a sua necessidade de experienciar momentos dramáticos.

Artigo anterior

Entre e conheça o glamoroso Le Monumental Palace no Porto

Próximo artigo

Tem tosse? Coma chocolate!